Boletim de Serviço Eletrônico em 14/09/2021

Timbre
MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E SEGURANÇA PÚBLICA

POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL

SUPERINTENDÊNCIA DA POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL EM SERGIPE

Edital Nº 10/2021/SPRF-SE

 

 

O SUPERINTENDENTE DA POLÍCIA RODOVIÁRIA FEDERAL EM SERGIPE, ÓRGÃO DO MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E  SEGURANÇA PÚBLICA, designado pela Portaria nº 398/2021-MJSP, de 12 de maio de 2021, publicada no D.O.U. nº 89, em 13/05/2021, por força das atribuições constantes no inciso III, do Artigo 82, da Portaria nº 224/Ministério da Segurança Pública, de 05 de dezembro de 2018, publicada no D.O.U de 06/12/2018, do Ministro de Estado da Segurança Pública; torna pública a realização de processo seletivo para preenchimento de vagas de estágio e formação de cadastro de reserva na Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe, nos termos da Lei nº 11.788, de 25 de setembro de 2008, da Instrução Normativa nº 213, de 17 de dezembro de 2019, da Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério da Economia, e dos critérios estabelecidos neste Edital.

DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

O processo seletivo será regido por este Edital e executado pela Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe, por meio de comissão específica designada para este fim, sob a supervisão do Setor de Gestão de Pessoas.

O processo seletivo é destinado ao preenchimento de vagas de estágio e constituição de cadastro de reserva na Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe.

O processo seletivo será realizado em quatro (quatro) etapas, que será composto de análise curricular, aplicação de prova escrita/redação,  entrevistas e investigação social.

O estágio será realizado na sede da Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe, situada na Avenida Maranhão, nº 1890, Santos Dumont, Aracaju/SE, CEP 49087-420.

A duração do estágio não poderá exceder 2 (dois) anos, exceto quando se tratar de pessoa com deficiência (PCD), casos em que a duração poderá ser prorrogada até o final do curso. 

Para a efetiva participação do processo seletivo, os candidatos devem estar, na data da contratação, regularmente matriculados, considerando a informação disposta na Declaração de Matrícula emitida pela Instituição de Ensino devidamente reconhecida pelo MEC.

A realização do estágio não estabelece vínculo empregatício de qualquer natureza com a Polícia Rodoviária Federal.

DAS INSCRIÇÕES

As inscrições serão realizadas de 15/09/2021 a 20/09/2021 exclusivamente no endereço eletrônico (ANEXO I), onde o candidato deve incluir no formulário as informações cadastrais, área de atuação e quesitos relativos à análise curricular.

Somente serão consideradas válidas as inscrições realizadas no prazo e no endereço estabelecidas no item 2.1 e que contenham todas as informações e documentos solicitados.

O candidato deverá seguir rigorosamente as instruções contidas na ficha de inscrição, sendo responsável por todas as informações prestadas.

A Polícia Rodoviária Federal não se responsabilizará por solicitação de inscrição não recebida por motivos de ordem técnica, tais como: falha dos computadores, do sistema de comunicação de dados, congestionamento das linhas de comunicação e falta de energia.

Caso o candidato apresente mais de uma inscrição para a mesma vaga, será considerada a inscrição válida de maior pontuação ou, em sendo iguais, a última destas.

Não haverá cobrança de taxa de inscrição.

DAS VAGAS DE ESTÁGIO

O processo seletivo contempla estágio nas áreas de atuação da Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe relacionadas no Anexo II.

Para participação no processo seletivo às vagas de Nível Médio

Poderão participar do processo seletivo para concorrer as vagas de nível médio, estudantes com idade mínima de 16 (dezesseis) anos, matriculados até o penúltimo semestre e com frequência regular em curso de ensino médio.

Para participação no processo seletivo às vagas de Nível Superior

Poderão participar do processo seletivo para concorrer as vagas de nível superior, estudantes com idade mínima de 16 (dezesseis) anos, matriculados no mínimo no terceiro período e no período máximo conforme requisitos de cada vaga oferecida (ANEXO II), sendo aluno de educação superior da rede pública ou particular de ensino, reconhecido pelo Ministério da Educação.

O candidato deverá indicar, no ato da inscrição, a área de atuação para a qual deseja concorrer, devendo estar matriculado em um dos cursos relacionados para a área.

A critério da comissão do processo seletivo, poderá ser deferida, mediante decisão fundamentada, a inscrição de candidato matriculado em curso não listado no Anexo II, exceto para a área jurídica, desde que possua correlação de atuação profissional ou área de conhecimento com os cursos para os quais se destinam as vagas.

Das vagas destinadas aos candidatos com deficiência

Serão reservadas 10% (dez por cento) das vagas aos candidatos com deficiência, desde que compatível com as atividades a serem realizadas, nos termos do § 5º do art. 17 da Lei nº 11.788, de 25 de setembro de 2008.

O candidato com deficiência que desejar concorrer às vagas reservadas deverá manifestar interesse na ficha de inscrição.

Na hipótese de não haver candidatos com deficiência aprovados suficientes para ocuparem as vagas reservadas, as vagas remanescentes serão revertidas para a ampla concorrência e serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a ordem de classificação.

Os candidatos com deficiência aprovados no processo seletivo constarão na lista de classificação geral e em lista específica.

A contratação dos estagiários obedecerá a ordem de classificação, observados os critérios de alternância e proporcionalidade entre a classificação da ampla concorrência e da reserva de vagas para as pessoas com deficiência, observado o percentual de reserva fixado no item 3.6.1 deste Edital.

No momento da convocação, o candidato a vaga para as pessoas com deficiência deve apresentar laudo médico emitido nos últimos doze meses, contendo o código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID) e referência expressa à compatibilidade entre as atividades do estágio e a deficiência.

O candidato com deficiência que não apresentar a documentação solicitada será excluído da respectiva lista de classificação, passando a figurar apenas na lista geral.

Das vagas destinadas aos candidatos negros

Serão reservadas 30% (trinta por cento) das vagas aos candidatos negros, nos termos do Decreto nº 9.427, de 28 de junho de 2018.

O candidato que desejar concorrer às vagas reservadas deverá manifestar interesse na ficha de inscrição, bem como se autodeclarar negro ou pardo conforme o quesito cor ou raça utilizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os candidatos negros concorrerão concomitantemente às vagas reservadas e às vagas destinadas à ampla concorrência, de acordo com a sua classificação na seleção.

Os candidatos negros aprovados dentro do número de vagas oferecido para a ampla concorrência não serão computados para efeito do preenchimento das vagas reservadas.

Na hipótese de não haver candidatos negros aprovados suficientes para ocuparem as vagas reservadas, as vagas remanescentes serão revertidas para a ampla concorrência e serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a ordem de classificação.

A contratação dos estagiários obedecerá a ordem de classificação, observados os critérios de alternância e proporcionalidade entre a classificação da ampla concorrência e da reserva de vagas para os candidatos negros, observado o percentual de reserva fixado no item 3.7.1 deste Edital.

Na hipótese de constatação de declaração falsa, o candidato será eliminado do processo seletivo e, se houver sido contratado, será imediatamente desligado do programa de estágio.

DA ANÁLISE CURRICULAR

A análise curricular será realizada por meio dos dados informados na ficha de inscrição, observados os critérios definidos no Item 4.6.1.

Para fins de pontuação referente à análise curricular, o candidato deverá encaminhar os documentos comprobatórios por meio do formulário Google (ANEXO I).

A não apresentação dos documentos comprobatórios por meio do formulário implicará na eliminação automática do candidato.

Não serão considerados os quesitos (Item 4.6.1) que não estiverem devidamente acompanhados dos documentos comprobatórios.

A critério da comissão do processo seletivo, poderá ser admitida documentação comprobatória diversa da relacionada no item 4.6.1., desde que idônea e inequívoca do cumprimento do respectivo quesito.

Dos critérios de seleção

A pontuação da análise curricular será apurada mediante os seguintes critérios:

QUESITO

FÓRMULA DE CÁLCULO

PONTUAÇÃO MÁXIMA

DOCUMENTAÇÃO COMPROBATÓRIA

Coeficiente de rendimento acadêmico atual (CR)

CR x 5

50 pontos

Histórico acadêmico ou declaração da instituição de ensino

Nota da redação da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) que o candidato tenha participado (NR)

NR ÷ 20

50 pontos

Resultado do Exame Nacional do Ensino Médio, disponível no endereço https://enem.inep.gov.br/participante/#!/

Tempo de estágio na Polícia Rodoviária Federal (EPRF)

EPRF x 5 ÷ 6

20 pontos

Certificado de conclusão de estágio

Tempo de estágio em órgãos da Administração Pública Federal ou instituição que tenha adotado o Sistema Eletrônico de Informações (SEI), exceto na Polícia Rodoviária Federal (ESEI)

ESEI x 5 ÷ 8

15 pontos

Certificado de conclusão de estágio

Tempo de estágio em instituição não relacionada nos itens anteriores (ETG)

ETG x 5 ÷ 12

10 pontos

Certificado de conclusão de estágio

Ação de desenvolvimento profissional relacionado a vaga disponibilizada - Cursos (CHC)

CHC ÷ 8 x 5

35 pontos

Certificado de conclusão de curso

 

A pontuação máxima da análise curricular será de 180 (cento e oitenta) pontos.

Os candidatos cujo somatório das pontuações de cada quesito ultrapassar 180 (cento e oitenta) pontos terão atribuída a pontuação máxima.

O tempo de estágio de que tratam os quesitos EPRF, ESEI e ETG, será computado em meses completos, apurados de data a data, excluindo-se as frações inferiores ao período de um mês.

A pontuação máxima para o somatório dos quesitos EPRF, ESEI e ETG e CHC será de 80 (oitenta) pontos. Os candidatos cujo somatório das pontuações dos quesitos EPRF, ESEI e ETG  ultrapassar 80 (oitenta) pontos terão atribuída a pontuação máxima.

Será considerado reprovado e eliminado do processo seletivo o candidato que obtiver:

pontuação inferior a 30 (trinta) pontos no quesito coeficiente de rendimento acadêmico;

pontuação inferior a 22,5 (vinte e dois inteiros e cinco décimos) pontos no quesito nota da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM); e

pontuação inferior a 85 (oitenta e cinco) pontos no somatório das pontuações de cada quesito.

O candidato eliminado na forma do item 4.6.1. não terá classificação alguma no processo seletivo.

Os candidatos classificados na análise curricular comporão lista de classificação, em ordem decrescente de pontuação obtida.

A pontuação da análise curricular será considerada até a segunda casa decimal, sem arredondamentos.

Caso haja empate entre pontuações, terá preferência, na seguinte ordem, o candidato:

de maior idade, desde que igual ou superior a 60 (sessenta) anos até o último dia das inscrições, conforme art. 27, parágrafo único, da Lei nº 10.741/2003 (Estatuto do Idoso); 

que obtiver maior pontuação no quesito coeficiente de rendimento acadêmico;

que obtiver maior pontuação no quesito nota da redação do Exame Nacional do Ensino Médio;

que obtiver menor pontuação no quesito tempo de estágio na Polícia Rodoviária Federal;

que obtiver maior pontuação no quesito tempo de estágio órgãos da Administração Pública Federal ou instituição que tenha adotado o Sistema Eletrônico de Informações (SEI);

que obtiver maior pontuação no quesito tempo de estágio em instituição não relacionada nos itens acima;

de maior idade, considerados anos, meses e dias; e

que tiver exercido a função de jurado, conforme art. 440 do Código de Processo Penal.

Dos resultados e dos recursos

O resultado provisório da análise curricular será divulgado no Boletim de Serviço Eletrônico e encaminhado via endereço eletrônico do candidato - item 9.3, na data constante no Anexo III.

Poderão ser interpostos recursos contra o resultado provisório, em até 2 (dois) dias a partir de sua divulgação, exclusivamente no endereço eletrônico sgp.se@prf.gov.br.

Os recursos serão julgados pela comissão do processo seletivo, sendo o candidato comunicado da decisão por correio eletrônico.

A homologação do resultado final, após recursos, e as listas de classificação por área de atuação serão publicadas no Boletim de Serviço Eletrônico na data constante no Anexo III.

As listas de classificação contarão com os candidatos classificados por ordem decrescente de pontuação obtida na análise curricular e com a identificação dos candidatos com deficiência e dos candidatos que se autodeclararam negros, para fins de preenchimento das vagas reservadas.

DA CONVOCAÇÃO PARA APLICAÇÃO DAS PROVAS ESCRITAS, REDAÇÃO E ENTREVISTAS (SEGUNDA E TERCEIRA FASE) 

Os aprovados na análise curricular serão convocados para a segunda fase, composta por entrevista, sendo facultativa a aplicação de provas ou outras técnicas de seleção, a critério da unidade responsável pela vaga, de acordo com a ordem de classificação e considerando as informações que constam na inscrição para a realização do estágio e a oferta de vaga compatível.

Os candidatos em cadastro reserva serão convocados por um calendário distinto dos candidatos aprovados, podendo ser conferido no Anexo III.

Serão encaminhados para a segunda fase 5 (cinco) estudantes por vaga a ser preenchida.

Os candidatos aprovados na prova objetiva que se declararam negros ou pardos serão convocados da respectiva lista de classificação para a terceira vaga da segunda fase, para cada grupo de 5 (cinco) vagas oferecidas pela Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe.

A convocação dos aprovados para a segunda fase na SPRF/SE será realizada com 2 (dois) dias de antecedência da realização desta, mediante comunicação por meio do endereço eletrônico do candidato (e-mail) cadastrado na inscrição.

O candidato convocado que não comparecer à segunda fase, não justificando sua ausência com no mínimo 3 (três) horas de antecedência, será automaticamente eliminado do certame.

A execução da segunda fase é de responsabilidade da unidade solicitante da vaga, sendo necessário documentar os procedimentos e requisitos a serem pontuados em processo SEI.

A segunda fase corresponderá a 100 (cem) pontos que serão considerados exclusivamente para classificação da vaga específica da convocação.

A planilha com as pontuações de cada candidato para os critérios estabelecidos, a lista dos classificados e convocação para assinatura do termo de compromisso de estágio serão divulgadas pelo Setor de Gestão de Pessoas.

DA INVESTIGAÇÃO SOCIAL

Antes da convocação para assinatura de Termo de Compromisso de Estágio, os candidatos classificados na análise curricular serão submetidos a investigação social, observada a ordem de classificação.

A investigação social visa avaliar se a conduta social e a idoneidade moral do candidato são compatíveis com o estágio.

A investigação social avaliará os antecedentes criminais do candidato, além de outras informações consideradas relevantes pela comissão do processo seletivo.

Ao final da investigação social, o candidato será considerado recomendado ou não recomendado.

O candidato considerado recomendado será convocado para assinatura de Termo de Compromisso de Estágio.

O candidato considerado não recomendado será notificado por correio eletrônico e poderá solicitar reconsideração no prazo de 3 (três) dias.

Caso a comissão do processo seletivo não reconsidere a investigação social, o candidato será eliminado da seleção.

DA CONVOCAÇÃO PARA APRESENTAR DOCUMENTAÇÃO E ASSINAR TERMO DE COMPROMISSO DE ESTÁGIO (TCE)

Os candidatos classificados entre as vagas e considerados recomendados pela investigação social serão convocados por correio eletrônico, no prazo de validade do processo seletivo, para assinatura de Termo de Compromisso de Estágio.

A documentação exigida para firmar TCE deve ser apresentada, sem ressalvas, conforme relação abaixo:

Carteira de identidade;

Carteira de Trabalho e Previdência Social;

CPF;

Certidão de reservista (homens) se aplicado;

Título de eleitor;

Declaração de matrícula da instituição de ensino que conste o curso e o semestre;

Comprovante de endereço;

Comprovante de Dados bancários da Conta salário (Bancos credenciados: Bancoop, Banrisul, Banco do Brasil, Bradesco, CEF, HSBC, Itaú, Santander, Sicredi);

Na data de início do estágio o estudante de nível superior deverá ter concluído ao menos o quarto semestre do curso.

Na data de início do estágio, o estudante deve ter idade mínima de 16 (dezesseis) anos completos, conforme previsto no § 5º do art. 7º da Resolução nº 1 do CNE/CEB, de 21 de janeiro de 2004 (Conselho Nacional de Educação).

Não serão aceitos pedidos de desistências temporárias e deslocamento para o final da lista de classificação dos candidatos aprovados.

Caso o candidato desista do processo seletivo, será necessário comunicar sua desistência por meio de e-mail ou declaração manuscrita e enviada a Superintendência.

Não será fornecido ao candidato comprovante de classificação no processo seletivo, valendo, para esse fim, as listas de classificação divulgadas no endereço eletrônico.

DA CONTRATAÇÃO

Os candidatos em cadastro de reserva poderão ser contratados, durante o prazo de validade do processo seletivo, conforme a disponibilidade de vagas de estágio da Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe, observada a ordem de classificação.

Caso o estágio seja incompatível com os horários de atividades acadêmicas, o candidato permanecerá na lista de classificação até o surgimento de vaga compatível, desde que a incompatibilidade de horário não seja para ambos os turnos (matutino e vespertino). 

Os candidatos convocados terão o prazo de 5 (cinco) dias para assinatura do Termo de Compromisso de Estágio e apresentação da documentação solicitada.

O estágio terá duração inicial de 1 (um) mês, podendo ser renovado por igual período, até o limite de 2 (dois) anos.

Não se aplica o limite estabelecido no item 8.4 quando se tratar de estagiário com deficiência, que poderá permanecer até o término do curso, nos termos do art. 11 da Lei nº 11.788, de 25 de setembro de 2008.

Da bolsa-estágio e demais vantagens

A bolsa-estágio, definida pelo Ministério da Economia, corresponde a R$ 787,98 (setecentos e oitenta e sete reais e noventa e oito centavos) para o estágio de nível superior na modalidade de graduação e R$ 486,05 (quatrocentos e oitenta e seis reais e cinco centavos) para o estágio de nível médio, sendo para ambos os níveis a carga horária de quatro horas por dia e vinte horas semanais.

O estagiário fará jus a auxílio-transporte, pago em pecúnia, no valor de R$ 10,00 (dez reais) por dia de estágio.

Será contratado seguro contra acidentes pessoais em favor do estagiário.

O estagiário não fará jus a outras vantagens, tais como auxílio-alimentação, plano de saúde, entre outros.

DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

A inscrição do candidato implicará a aceitação das normas do processo seletivo contidas neste Edital e demais comunicados a serem publicados pela Polícia Rodoviária Federal, acerca dos quais não poderá alegar desconhecimento.

É de responsabilidade exclusiva do candidato conhecer e estar de acordo com as exigências contidas neste Edital e acompanhar todas as etapas deste processo seletivo.

O candidato deverá manter atualizados seus dados cadastrais (e-mail, telefone, endereço, entre outros). A falta de atendimento a convocação por motivo de incorreção ou desatualização dos dados cadastrais acarretará a eliminação do processo seletivo.

Este processo seletivo terá validade de 6 (seis) meses, ou até o esgotamento dos candidatos aprovados, podendo ser prorrogado por igual período.

A área de Gestão de Pessoas da Superintendência da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe manterá permanentemente à disposição dos candidatos informações relativas à lista de classificação, contratações e validade do processo seletivo.

O cronograma das etapas deste processo seletivo, com as datas prováveis de execução, consta no Anexo III.

Alterações no cronograma disponibilizado no Anexo III serão encaminhadas aos candidatos, com antecedência mínima de 24 horas, por meio do endereço eletrônico do candidato (e-mail) cadastrado na inscrição.

Informações e esclarecimentos acerca do processo seletivo poderão ser obtidas através do correio eletrônico sgp.se@prf.gov.br e de aplicativo de mensagem (WhatsApp) no telefone (79) 98162-0347.

Os casos omissos serão resolvidos pela comissão do processo seletivo.

 

JASON GOMES TERENCIO

Superintendente da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe

 

ANEXO I

 

Cadastro do currículo

 

Agiel estudantes

 

 

Formulário para inclusão dos documentos comprobatórios para a análise curricular 

 

Formulário Google - Inclusão de documentos

 

 

ANEXO II

Quadro de vagas por área de atuação

 

ÁREA DE ATUAÇÃO

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES

REQUISITOS DA VAGA

CURSOS RELACIONADOS

VAGAS EM AMPLA CONCORRÊNCIA

VAGAS DESTINADAS A CANDIDATOS COM DEFICIÊNCIA

VAGAS DESTINADAS A CANDIDATOS NEGROS

VAGAS DESTINADAS A CADASTRO RESERVA

 

NÍVEL SUPERIOR

 

Administrativa

Apoio técnico administrativo relativo às competências da Polícia Rodoviária Federal, sob supervisão; Auxílio no gerenciamento dos estagiários; Apoio na movimentação, análise, confecção e organização de documentos e processos físicos ou virtuais

Conhecimento em Liderança, Administração pública, Gestão por Competências, Noções básicas sobre a instituição PRF, Microsoft Office Word/LibreOffice Writer intermediário, Microsoft Office Excel/LibreOffice Calc básico;

A partir do 3º e até o 4º período.

Administração, Secretariado Executivo, Recursos Humanos.

1

-

-

-

Operacional

Identificação e resolução de problemas utilizando rigor lógico científico na análise da situação-problema, sob supervisão. Auxilio no acompanhamento e desenvolvimento de atividades e pesquisas diversas. Análise e tratamento de dados numéricos para elaboração de relatórios diversos, sob supervisão.

Conhecimento em Excel avançado e estatística básica, sobretudo medidas de dispersão de dados como média, mediana, moda, variância, desvio padrão e afins. 

A partir do 3º período;

Diferencial: Conhecimento em programação, elaboração de relatórios e de estudo de dados; Uso do Microsoft Office/LibreOffice intermediário.

Estatística, Matemática, Física, Química, Engenharia (Todas), Ciências da computação, Administração de empresas, Economia, Ciências contábeis.

1

-

-

-

Comunicação Social

Execução da política de comunicação interna, relações públicas, publicidade e imprensa da Polícia Rodoviária Federal, sob supervisão; Auxílio na geração de conteúdo jornalístico, empregando as técnicas aprendidas em ambiente acadêmico; Confecção de documentos como minutas de ofícios, relatórios, e-mails, textos publicitários e artes de mídias sociais que após validados pelo supervisor da área, serão transformados em documentos oficiais para distribuição ou publicação no padrão adotado pela PRF; Movimentações em processos eletrônicos.

Conhecimento em Microsoft Office Word/LibreOffice Writer intermediário, Microsoft Office Excel/LibreOffice Calc básico; Conhecimento em elaboração textual baseada nas normas da ABNT.

A partir do 3º e até o 5º período.

 

Comunicação Social, Jornalismo, Publicidade e Propaganda.

-

-

-

1

Jurídica

Prestação de assessoramento jurídico, sob supervisão; Confecção de documentos e pareceres; Arquivamento, organização, movimentação de processos jurídicos e documentos administrativos;

Conhecimento em Microsoft Office Word/LibreOffice Writer básico, Microsoft Office Excel/LibreOffice Calc básico;

A partir do 3º e até o 8º período;

 

Direito

-

-

-

1

 

NÍVEL MÉDIO

 

Diversos

Confecção, arquivamento, movimentação e organização de documentos; Auxílio nas providências necessárias de processos internos/externos; Desenvolvimento e execução de atividades rotineiras do setor, sob supervisão.

Noções básicas de redação, Conhecimento em Microsoft Office Word/LibreOffice Writer intermediário, Microsoft Office Excel/LibreOffice Calc intermediário;

Cursando 1º ou 2º ano. 

Nível Médio

-

-

-

2

 

ANEXO III

Cronograma do processo seletivo - Vagas imediatas

(Área de Atuação: Administrativa e Operacional)

 

ETAPA

DATA

Período de inscrições

15 a 20/09/2021

Publicação do resultado provisório da análise curricular

21/09/2021

Prazo para recursos do resultado provisório

22 e 23/09/2021

Homologação da análise curricular e publicação da convocação para segunda fase

24/09/2021

Publicação do resultado provisório da segunda fase (Avaliação de conhecimentos e entrevistas)

30/09/2021

Resultado final e lista de classificação 

05/10/2021

Apresentação da documentação cadastral para os candidatos aprovados

06/10/2021

Início estimado das atividades

11/10/2021

 

Cronograma do processo seletivo - Cadastro Reserva

(Área de Atuação: Demais Áreas)

 

ETAPA

DATA

Publicação da convocação para segunda fase

22/11/2021

Publicação do resultado provisório da segunda fase (Avaliação de conhecimentos e entrevistas)

29/11/2021

Resultado final e lista de classificação 

02/12/2021

Apresentação da documentação cadastral para os candidatos aprovados

06/12/2021

Início estimado das atividades

03/01/2022


 

 


logotipo

Documento assinado eletronicamente por JASON GOMES TERÊNCIO, Superintendente da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe, em 14/09/2021, às 15:14, horário oficial de Brasília, com fundamento no art. 10, § 2º, da Medida Provisória nº 2.200-2, de 24 de agosto de 2001, no art. 4º, § 3º, do Decreto nº 10.543, de 13 de novembro de 2020, e no art. 42 da Instrução Normativa nº 116/DG/PRF, de 16 de fevereiro de 2018.


QRCode Assinatura

A autenticidade deste documento pode ser conferida no site https://sei.prf.gov.br/verificar, informando o código verificador 35346904 e o código CRC 8D6F5E22.



 

Avenida Maranhão, 1890 - Bairro Santos Dumont , Aracaju / SE , CEP 49087-420 

Telefone: (79) 2107-3900 - E-mail: sprf.se@prf.gov.br

Código de Barras do Processo Código de Barras do Documento
Referência: Processo nº 08672.002951/2021-55 SEI nº 35346904